Raio mata mais de 300 renas na Noruega — de uma só vez

Cena foi descoberta nesta semana durante uma inspeção de rotina de agentes ambientais

Publicado em 02/09/2016

Na última sexta-feira, um raio matou 323 renas selvagens em uma área montanhosa no sul da Noruega, que serve de rota migratória para os animais durante as mudanças de estações.
A cena foi descoberta no começo desta semana durante uma inspeção de rotina feita por agentes ambientais da região. Os animais foram encontrados caídos uns sobre os outros. Segundo as autoridades locais, durantes tempestades, as renas, assim como ovelhas, costumam se amontoar em grupos, ficando bem próximas umas das outras. Por isso, não é raro encontrar de 10 a 20 espécimes mortos por raios. Mas o caso recente deixou os especialistas surpresos por sua dimensão.

Veja Também: Após 10 dias de Campanha Oficial, Lili Aymar sobe de 51,75% para 59,3% das intenções de voto em Araçariguama


Funcionários do Centro de Pesquisa da Natureza do país supeitam que uma carga extremamente alta de descarga elétrica e a sua interação com a terra e água da chuva que corria na região tenha eletrocutado os animais de uma só vez.
Ainda segundo o especialista, as 323 renas mortas serão usadas como amostra em um importante projeto para mapear a ocorrência de uma doença neurológica debilitante e contagiosa relacionada com a doença da vaca louca.Curta nossa Fanpage no Facebook


Publicidade


Contato

Telefone
(11) 98983-6042

Endereço
Edifício Beta Trade
Rua Caldas Novas, 50, Sala 175,
Bethaville I - SP, CEP 06404-301.


©2014 2018 - Jornal NC. Todos os direitos reservados