Prefeitura de Carapicuíba realiza Programa Patrulha da Dengue

O programa continua em vários bairros da cidade e procura diminuir os focos da doença, além de conscientizar a população da importância de combate ao mosquito

Publicado em 08/03/2018

No sábado, dia 24/02, a Prefeitura de Carapicuíba promoveu a ação Patrulha da Dengue, no bairro Ariston, com cerca de 640 casas vistoriadas, além de 16 telas para caixa d’água entregues aos munícipes. A Guarda Mirim também participou da ação.
Foram distribuídos panfletos informativos, conscientizando a população sobre a importância do combate ao mosquito Aedes aegypti, que além da dengue transmite zika, chikungunia e pode disseminar a febre amarela também. Todas as Secretarias do Município trabalharam na ação, como a de Obras com a operação “cata-treco” e a de Trânsito recolhendo veículos abandonados. É fundamental que cada morador verifique os possíveis criadouros da dengue, ao menos uma vez por semana.
Qualquer vasilha com água parada pode ser foco do mosquito, portanto é preciso tomar certos cuidados, como deixar vasos de planta sempre com terra, e se estiver vazio, de boca para baixo. No ano passado, já houve redução significativa nos casos da dengue. No primeiro trimestre de 2016, Carapicuíba registrou 70 casos da doença. Enquanto, em 2017 o número caiu para apenas quatro.

Veja Também: Carapicuíba recebe repasse de R$ 1,2 milhão para Fundo de Assistência Social

“É muito importante continuarmos esse trabalho de conscientização para que a população nos ajude a combater o mosquito. O programa vai continuar em outros bairros da cidade. Além disso, estamos realizando serviços de limpeza para evitar os possíveis criadouros do Aedes”, afirma o prefeito Marcos Neves.
Para denúncias, dúvidas ou sugestões em relação ao programa Patrulha da Dengue, deve entrar em contato por meio do número 4164-3866.

Curta nossa Fanpage no Facebook


Publicidade


Contato

Telefone
(11) 98983-6042

Endereço
Edifício Beta Trade
Rua Caldas Novas, 50, Sala 175,
Bethaville I - SP, CEP 06404-301.


©2014 2018 - Jornal NC. Todos os direitos reservados