Oposição vence governo: é maioria em comissão que irá decidir o processo de impeachment

Edson Fachin ministro do STF, a pedido de partido aliado do governo suspende instalação da Comissão Especial

Publicado em 10/12/2015

Após derrota do governo, os oposicionistas terão maioria na Comissão Especial, que decidirá se o processo contra a presidenta Dilma Rousseff continuará ou será arquivado.
A votação que ocorreu no dia, 8 de dezembro, foi marcada por xingamentos e empurrões, 10 das 14 urnas, foram quebradas por deputados governistas, com o intuito de tentar interromper a votação e ganhar mais tempo. Segundo o deputado Wadih Damous do Partido dos Trabalhadores (PT - RJ), o presidente da câmara Eduardo Cunha, estava inovando e o acusou de contribuir para o golpe parlamentar.

Veja Também: Governo afirma que decisão de abrir impeachment foi ataque pessoal de Cunha à Dilma

Após a votação o ministro Edson Fachin do STF (Supremo Tribunal Federal), suspendeu a Comissão Especial e adiará a analise do caso até quarta-feira (16) de dezembro. A decisão foi ocasionada por um pedido do partido PC do B, um dos aliados do governo.
Curta nossa Fanpage no Facebook


Publicidade


Contato

Telefone
(11) 98983-6042

Endereço
Edifício Beta Trade
Rua Caldas Novas, 50, Sala 175,
Bethaville I - SP, CEP 06404-301.


©2014 2018 - Jornal NC. Todos os direitos reservados