Menina morre atropelada em confusão diante de escola no Belval

Caminhão atingiu garota de 12 anos em tumulto na tarde desta quinta-feira na frente das Emefs Ézio Berzaghi e Aristides Costa e Silva

Publicado em 08/08/2016

A menina Renata Santos, de 12 anos, morreu atropelada por um caminhão na tarde desta quinta-feira, 4/8, durante uma confusão entre estudantes e jovens do bairro diante das Emefs Ézio Berzaghi e Aristides Costa e Silva, no Jardim Belval.

A Guarda Municipal afirma ter sido chamada às 14 horas por causa de um tumulto na frente das duas escolas, que são vizinhas. Segundo testemunhas, perto do horário da saída dos estudantes da tarde, por volta das 16 horas, a confusão fechou a rua. Os guardas afirmam que tentaram liberar o trânsito, mas num certo momento, quando o tráfego foi autorizado, um caminhão arrancou e atingiu a menina, que morreu instantaneamente. Não se sabe se a garota tentou atravessar a rua, se assustou ou foi empurrada por alguém.


Veja Também: Vacinação contra raiva de cães e gatos começa em agosto na região

De acordo com o Boletim de Ocorrência registrado na Delegacia Central de Barueri, o motorista permaneceu no local, fez exame de bafômetro e não estava alcoolizado. A documentação do condutor e do veículo estão em ordem e a perícia indicou que o tacógrafo do caminhão registrou baixa velocidade.



Renata estudava no Ézio e era filha de um guarda patrimonial. Segundo pessoas próximas, a família entende que o motorista não teve responsabilidade no acidente.

A polícia registrou o ocorrido como homicídio culposo, quando não há intenção de matar.Curta nossa Fanpage no Facebook


Publicidade


Contato

Telefone
(11) 98983-6042

Endereço
Edifício Beta Trade
Rua Caldas Novas, 50, Sala 175,
Bethaville I - SP, CEP 06404-301.


©2014 2018 - Jornal NC. Todos os direitos reservados