Japoneses criam rim em laboratório e levam esperança para pacientes à espera de transplante

Testes em porcos e ratos teriam resultado em órgãos com funcionamento normal na passagem de urina

Publicado em 22/09/2015

No Japão cientistas anunciaram que estão cada vez mais próximos de criar em laboratório rins totalmente funcionais, após realizarem testes em porcos e ratos.
Em um estudo divulgado pela Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos (PNAS), a equipe de pesquisadores da Universidade Jikei, em Tóquio, explica que os órgãos, desenvolvidos a partir de células-tronco, foram transplantados para os animais e funcionaram como rins naturais no que diz respeito à passagem de urina - anteriormente, essa operação tinha sido um problema, com a pressão da urina causando inchaços.

Veja Também:Professor da USP acredita que encontrou a cura do câncer, mas enfrenta dificuldades para registrar o medicamento

O problema foi resolvido com a criação de mais canais para o escoamento do líquido.
A possibilidade de implantar um rim feito em laboratório levou esperanças para milhares de pessoas no mundo que estão na fila de espera para transplantes de rim. Só no Brasil, há pelo menos 35 mil pessoas à espera de um transplante.


Publicidade


Contato

Telefone
(11) 98983-6042

Endereço
Edifício Beta Trade
Rua Caldas Novas, 50, Sala 175,
Bethaville I - SP, CEP 06404-301.


©2014 2018 - Jornal NC. Todos os direitos reservados