Menina Sofia morre na UTI nos Estados Unidos

A menina sofria de Sindrome de Berdon e passou por 5 transplantes de órgãos

Publicado em 14/09/2015

A bebê Sofia Gonçalves de Lacerda, de um ano e oito meses, morreu na madrugada desta segunda-feira (14) em Miami, nos Estados Unidos.
A menina passou por cinco transplantes de órgãos e teve uma parada cardíaca, estava internada desde julho, após contrair um vírus multivisceral vindo de seu último transplante feito em maio.
A bebê sofria de Sindrome de Berdon e devido a complexidade da doença, médicos afirmaram que a Sofia não sobreviveria mais de um ano de vida. No Brasil, Sofia passou por três cirurgias, mas ainda necessitava de atendimento especializado para a síndrome rara e para o transplante multivisceral, que não era realizado no Brasil e tinha custo estimado de R$ 2 milhões.
Para arrecadar o dinheiro para levar a menina para os EUA, a mãe de Sofia começou uma campanha na internet: “Ajude a Sofia” e no total arrecadou 1,8 milhões de reais. O desembargador do TRF (Tribunal Regional Federal) determinou, em julho de 2014, a transferência da menina para o Jackson Memorial Hospital, em Miami, especializado em transplante multivisceral.
Sindrome de Berdon
A Síndrome de Berdon é uma doença rara que afeta principalmente meninas e causa problemas nos intestinos, bexiga e estômago. Geralmente, os indivíduos com esta doença não fazem xixi, nem cocô e necessitam ser alimentadas por uma sonda.


Publicidade


Contato

Telefone
(11) 98983-6042

Endereço
Edifício Beta Trade
Rua Caldas Novas, 50, Sala 175,
Bethaville I - SP, CEP 06404-301.


©2014 2018 - Jornal NC. Todos os direitos reservados