Maia acredita ser possível votar reforma da Previdência

Faltando pouco mais de um mês para o fim Ano Legislativo, Rodrigo Maia, ainda acredita que será possível aprovar uma reforma da Previdência mais enxuta do que a proposta enviada inicialmente pelo governo

Publicado em 13/11/2017

Faltando pouco mais de um mês para o fim Ano Legislativo, o presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia, ainda acredita que será possível aprovar uma reforma da Previdência mais enxuta do que a proposta enviada inicialmente pelo governo.

Após a fala do presidente Michel Temer sobre o tema durante reunião na Segunda-feira (6), Maia defendeu que alguns pontos da reforma - como a idade mínima para a aposentadoria e regras de transição - podem ser votados neste ano. Segundo ele, é importante a aprovação desses itens com o objetivo de "acabar com a transferência de renda dos que ganham menos para os que ganham mais”.

Veja Também: Tribunal aumenta pena de Vaccari de 10 para 24 anos de prisão na Lava Jato

Na avaliação de Maia, é preciso que o governo converse com os parlamentares, líderes e presidentes dos partidos com o intuito de convencê-los da importância das mudanças. Um dos argumentos sugeridos pelo presidente da Câmara é o do impacto financeiro que a não aprovação pode causar aos cofres públicos nos próximos anos.

Curta nossa Fanpage no Facebook

Publicidade

© 2016 - Jornal NC. Todos os direitos reservados