Volkswagen promete ter versão elétrica ou híbrida em todos os carros



Publicado em 14/09/2017

Depois do escândalo de fraude em emissões, a Volkswagen quer oferecer até 2030 pelo menos uma opção 100% elétrica ou híbrida para todos os modelos do grupo, que engloba também marcas como Audi, Porsche, Bugatti, Bentley e Lamborghini.
De acordo com o presidente do conselho, Matthias Müller, todos os cerca de 300 veículos do grupo terão uma variante que não é movida a combustíveis fósseis em 13 anos. Até 2025 serão lançados 80 modelos “verdes”, sendo 50 totalmente elétricos e 30 híbridos.

Até 2030, a Volkswagen disponibilizará € 20 bilhões para seguir o rumo da eletrificação em seus carros.
Um anúncio semelhante foi feito quase ao mesmo tempo pela Mercedes-Benz. A marca, de menor volume, deu um prazo menor para atingir a mesma meta que a conterrânea: 2022. A sueca Volvo também tinha afirmado que, a partir de 2019, só venderá carros elétricos ou híbridos. E a BMW prometeu que, até 2025, oferecerá 25 veículos “verdes”, sendo 12 totalmente elétricos.
Já em 2025, a fabricante estima que um em cada quatro carros vendidos será 100% elétrico, o que representaria cerca de 3 milhões de unidades por ano.

Veja Também: Jaguar Land Rover cria novo conceito de volante

Para concretizar essa transformação, a Volkswagen terá duas novas plataformas criadas especificamente para os novos sistemas de propulsão e também deve investir em desenvolvimento de baterias. A estratégia do grupo Volkswagen também prevê uma família de veículos autônomos. O primeiro deles foi mostrado neste ano no Salão de Genebra, mas em breve ele não será somente um conceito.

Segundo Müller, o modelo Sedric vai transportar funcionários da fábrica em Wolfsburg em breve e dará origem a uma família de autônomos, incluindo aí esportivos, modelos para entregas e até caminhões pesados.

Curta nossa Fanpage no Facebook

Publicidade

© 2016 - Jornal NC. Todos os direitos reservados