Modelo esportivo Dodge Viper tem seu último exemplar produzido nos EUA



Publicado em 24/08/2017

A última unidade do Dodge Viper está saindo da linha de produção em Detroit. Como a Fiat Chrysler (FCA) informou ainda no ano passado, o modelo deixará de ser produzido com o fechamento da fábrica em 31 de agosto. Ralph Gilles, chefe de design da FCA, postou imagens dos últimos exemplares da quinta geração. Ele ajudou a “ressucitar” o esportivo icônico em 2012, depois de um hiato de dois anos sem o modelo. O Dodge Viper sai de fábrica com motor V10 de 8.4 litros, com cerca de 654 cavalos de potência e 82,95 kgfm de torque, o maior para um esportivo com motor aspirado (sem turbo), de acordo com a marca.

Veja Também: Honda HR-V terá nova versão por R$ 105.900

No último ano, algumas edições limitadas comemoraram os 25 anos do Viper. Mesmo com preço inicial a partir de US$ 90 mil (cerca de R$ 285 mil), as vendas cresceram 33% com a notícia do fim da linha. O Viper foi lançado em 1992, para rivalizar com o Shelby Cobra, e, desde então, a Dodge e a SRT produziram 30 mil unidades em Detroit - o modelo nunca foi muito bom de vendas. Primeiro, era fabricado na fábrica Mack Avenue (1992–1994); depois, passou para a Conner Avenue.
Com a compra da Fiat pela Chrysler, ele chegou a ter a produção interrompida em 2010, inclusive com uma série de edições especiais - várias delas revisitadas agora - e a “última”, dourada, foi comprada por uma colecionadora do Texas.

Curta nossa Fanpage no Facebook

Publicidade

© 2016 - Jornal NC. Todos os direitos reservados