Risco de explosão: falar ao celular enquanto ele carrega é perigoso?



Publicado em 08/06/2017

Você já deve ter ouvido diversas histórias sobre celulares explodindo nas mais variadas situações, principalmente depois do lançamento do Galaxy Note 7, que se tornou o terror dos aeroportos e aviões. Mas será que o risco existe para todos os aparelhos? Na verdade, o problema não está no smartphone em si, mas na bateria. Quando um aparelho celular está ligado na tomada, a bateria eleva a temperatura automaticamente, então todo cuidado é pouco para evitar esse superaquecimento, o que pode levar à explosão. O ideal, portanto, é optar por não usar o celular ou atender ligações se o aparelho estiver sob condições de calor extremo. Os riscos são ainda maiores quando os carregadores usados não são oficiais da marca do aparelho ou não são homologados pela Anatel. A vistoria feita pelo órgão serve justamente para manter a qualidade dos produtos e o bem estar do usuário final.
Veja Também: Após abaixo-assinado, Senado estuda reduzir impostos sobre games

Mas o superaquecimento não dá a certeza da explosão. A possibilidade existe, mas os dados ainda são mínimos, comparados com o número de smartphones existentes.
Curta nossa Fanpage no Facebook

Publicidade

© 2016 - Jornal NC. Todos os direitos reservados