A tosse é uma defesa do organismo em resposta a um estímulo irritativo

Os fatores de risco estão muito mais perto do que a gente imagina

Publicado em 15/12/2016

Você já ficou rouco sem ter dor de garganta? rouquidão frequente pode ser sinal de um câncer na laringe. Por ano, 7,3 mil brasileiros recebem este diagnóstico. Os fatores de risco estão muito mais perto do que a gente imagina. Um dos principais são as bebidas muito quentes. O otorrino Antônio Pontes explica o que elas fazem com a região da nossa garganta.


Por que tossimos? A tosse é um mecanismo de defesa, uma resposta do organismo a um estímulo irritativo. Ela é provocada por diferentes causas, como o mau uso da voz, refluxo, problemas respiratórios, catarro, uso de remédios para ansiedade, depressão e para dormir. Quando estamos resfriados ou gripados, as cordas vocais ficam inchadas e há um aumento da secreção da laringe. Fazemos mais esforço para falar e aumentamos o tom da voz e esse esforço piora o inchaço, aí aparece a tosse.



Veja Também: Conheça o Low Pressure Fitness




Por que ficamos roucos sem ter dor de garganta? Por causa do mau uso constante da voz. Dra. Leny diz que muita gente não sabe movimentar a laringe corretamente, ou seja, não consegue equilibrar o som agudo e grave e isso força as cordas vocais até aparecer a rouquidão.


Tem como se livrar do bicho do “rãn-rãn”? Sim, hidrate a garganta. Cuidado com dicas caseiras, muita gente acha que chupar pastilha é bom, ela até alivia o incômodo porque tem anestésico, mas não é a melhor solução. O própolis pode ser usado, mas cuidado com os sprays que contêm álcool porque isso irrita a garganta mais ainda. O gengibre não limpa a garganta, ao contrário, ele irrita a mucosa gástrica, o que é péssimo para quem tem refluxo. O mel é benéfico e há tem comprovação científica.


Cuidado com a rouquidão, ela nunca é normal, é sinal de que há uma alteração na dinâmica das cordas vocais.





Curta nossa Fanpage no Facebook


Publicidade

© 2016 - Jornal NC. Todos os direitos reservados