Prevenção ao suicídio inspira diversas ações durante todo o mês de setembro em Barueri

Na roda de conversa, Flávio abordou o tema ao lado da terapeuta ocupacional Caty Cilene Fernandes Teodoro

Publicado em 27/09/2018

Conversar é o primeiro passo na prevenção ao suicídio. Foi sobre isso e outras formas de ajudar quem está sofrendo emocional ou psicologicamente que os profissionais da Unidade Básica de Saúde (UBS) Hermelino Liberato Filho, do Jd. Belval, discutiram em ação ligada ao Setembro Amarelo – Campanha de Prevenção ao Suicídio.
“O importante em relação à prevenção ao suicídio é as pessoas estarem ligadas aos sinais.
Os sinais mais comuns ocorrem quando as pessoas estão passando por um momento difícil na vida, aquelas que têm algum transtorno mental ou que são muito isoladas”, afirma o psicólogo da rede, Flávio Maciel Settembre. O especialista chama a atenção à forma correta de abordagem: “para prevenir o suicídio não podemos menosprezar o sofrimento das pessoas, isso acaba gerando uma complicação maior que pode levar ao suicídio, são várias situações que fazem com que a pessoa acabe cometendo esse ato”, alerta.

Veja Também: Atividades na piscina melhoram saúde e equilíbrio das mulheres de Barueri

Na roda de conversa, Flávio abordou o tema ao lado da terapeuta ocupacional Caty Cilene Fernandes Teodoro. Eles apresentaram slides com dados sobre a prevenção, os principais sinais, os casos de maior urgência, estatísticas nacionais, dentre outros detalhes. “Quisemos falar a todos da unidade porque o paciente pode procurar qualquer um, temos que estar preparados para esse acolhimento”, explica Caty. O direito ao sigilo também foi lembrado pela assistente social Ivani Maria de Souza. “Manter o sigilo é uma forma de manter o vínculo com o paciente, a confiança que ele está dando”, frisou.
A assistente social ressalta que esse tipo de acolhimento está disponível o ano todo e não apenas durante o mês da campanha. “O Setembro Amarelo foi criado para chamar um pouco mais a atenção a essa questão, que já é hoje uma situação de saúde pública.

Levando informação e assistência a todos
Essa e outras ações estão sendo realizadas pela Prefeitura de Barueri em diferentes frentes. A Secretaria de Saúde, por meio da Diretoria de Saúde Mental, tem realizado rodas de conversa entre pacientes e funcionários nas UBSs, além de levar orientação aos estudantes com a ajuda dos profissionais dos (CAPS). Os CAPS, inclusive, têm atendimento porta aberta (sem a necessidade de agendamento) o ano todo. A equipe da Saúde Mental estará também na Feira Noturna de Barueri, oferecendo conforto e orientação a quem se interessar. A Coordenadoria da Juventude, ligada à Secretaria de Cultura e Turismo, também tem agido fortemente nesse sentido.
A palestra preventiva promovida pela equipe está indo a diversas escolas públicas e privadas para chegar não apenas aos jovens, mas também a seus pais e demais envolvidos. Além disso, na sexta-feira (dia 28), pela manhã, eles estarão no 2º Batalhão do Exército de Barueri, e à tarde no bulevar central, durante a Semana da Cultura Cristã, em parceria com a Coordenadoria de Assuntos Religiosos.

Curta nossa Fanpage no Facebook


Publicidade


Contato

Telefone
(11) 98983-6042

Endereço
Edifício Beta Trade
Rua Caldas Novas, 50, Sala 175,
Bethaville I - SP, CEP 06404-301.


©2014 2018 - Jornal NC. Todos os direitos reservados