Ondas gravitacionais previstas por Einstein há cem anos são detectadas

Elas foram captadas graças a um sistema que usa canhões de laser

Publicado em 17/02/2016

Elas foram captadas graças a um sistema que usa canhões de laser. Descoberta feita por cientistas abre série de possibilidades para a ciência.
O mundo científico nesta quinta-feira (11) foi sacudido por um anúncio feito por cientistas. Eles detectaram as ondas gravitacionais previstas na Lei Geral da Relatividade formulada por Albert Einstein há cem anos. Esta é uma descoberta que abre uma série de possibilidades para a ciência. E já tem até gente sonhando com a possibilidade de viajar no tempo.
Um som que fez os cientistas vibrarem. É o barulho produzido pelas ondas gravitacionais. Agora, além de ver, é possível ouvir fenômenos que aconteceram no universo há bilhões de anos.
Sete brasileiros fizeram parte das pesquisas que comprovaram a existência dessas ondas. Seis deles são do Inpe de São José dos Campos, no interior de São Paulo.
“O Hertz, que foi quem confirmou a existência de ondas eletromagnéticas, ele não teria a menor ideia para que serviriam as ondas eletromagnéticas. Hoje em dia, nós temos a televisão, temos o rádio, nós temos o celular. Então, provavelmente, uma coisa semelhante pode acontecer com as ondas gravitacionais”, diz o pesquisador do Inpe, Odílio de Aguiar.
As ondas gravitacionais surgem a partir de fenômenos como a colisão entre buracos negros.
As ondas percorrem o universo e chegam bem fraquinhas até a Terra. Elas foram captadas graças a um sistema poderoso, que usa canhões de laser instalados a 3 mil quilômetros de distância.


Veja Também: Drones estão se tornando ameaça real para aviação civil, alerta associação

Essa novidade foi apenas uma confirmação do que o físico Albert Einstein falou há cem anos. Ele não tinha equipamentos modernos, nem tecnologia. Mas previu tudo isso na Teoria da Relatividade.
A revelação pode ser a porta para uma nova forma de observar o universo, já que telescópios podem não ser capazes de perceber buracos negros e outros corpos, mas os pesquisadores poderiam começar a observar as ondas gravitacionais que eles produzem, permitindo extrair mais informações de como estes objetos manipulam a gravidade. Isso pode abrir portas para novas descobertas e conceitos até então desconhecidos.
Entre as possibilidades abertas pela confirmação das ondas gravitacionais seria extrair informações sobre o movimento de objetos pelo universo. Isso poderia criar a oportunidade para deduzir a história do cosmos até a sua origem.Curta nossa Fanpage no Facebook


Publicidade


Contato

Telefone
(11) 98983-6042

Endereço
Edifício Beta Trade
Rua Caldas Novas, 50, Sala 175,
Bethaville I - SP, CEP 06404-301.


©2014 2018 - Jornal NC. Todos os direitos reservados