Criada no Brasil, tecnologia ajudará a reduzir conta de luz

Com um equipamento no quadro de luz e um aplicativo para smartphone, o consumo de energia ficará mais transparente

Publicado em 22/03/2018

E se você pudesse ter o controle da sua conta de luz em um aplicativo no seu celular? Essa é a proposta de um projeto financiado pela CPFL, com verba da Aneel, a partir do desenvolvimento de um algoritmo de separação do consumo energético criado na Unicamp, com execução da startup Time Energy, baseada em Campinas, interior de SP.
A desagregação do consumo de energia usada em casas e em empresas já é alvo de pesquisas há anos.
Ainda em fase de testes, a iniciativa deve culminar no lançamento de um acessório eletrônico de usabilidade simples que é conectado ao quadro de energia de uma residência ou estabelecimento comercial, que ficará por conta da Time Energy.

Veja Também: Patente da Samsung indica tablet voador controlado pelos olhos

A startup também projeta, junto com a Unicamp, o aplicativo para smartphones que poderá interpretar as informações coletadas da rede elétrica. O app mostrará não só o consumo de energia em tempo real, como também enviará dicas para economizar, como deixar para lavar roupa ou tomar um banho quente fora dos horários de pico.
Quando ficar pronto, o hardware simples, que pode ser usado em casas, pode custar por volta de 400 reais para consumidores finais, de acordo com Leandro Pereira, gerente de pesquisa e desenvolvimento da Time Energy. Para empresas, o valor varia por conta da maior complexidade da rede elétrica.
Até 2019, o projeto de desagregação do consumo terá investimento de 3,6 milhões de reais da CPFL por meio do programa de pesquisa e desenvolvimento da Aneel.

Curta nossa Fanpage no Facebook


Publicidade


Contato

Telefone
(11) 98983-6042

Endereço
Edifício Beta Trade
Rua Caldas Novas, 50, Sala 175,
Bethaville I - SP, CEP 06404-301.


©2014 2018 - Jornal NC. Todos os direitos reservados